Sobre o ProspeCT&I

O I ProspeCT&I (2011) ocorreu com 213 participantes, de 42 organizações, de 18 estados (AL, BA, CE, DF, ES, GO, MS, MG, PA, PR, PB, PE, PI, RJ, RN, SC, SP, SE), 3 participantes de Portugal, 1 dos EUA e 1 da Espanha. Esta primeira edição permitiu o aprimoramento das ferramentas e competências dos recursos humanos que atuam em NIT e dos atores dos sistemas locais de inovação em prospecção tecnológica, transferência de tecnologia, valoração e elaboração de contratos por meio dos minicursos mão-na-massa com material didático em português. Permitiu também a ampliação e reforço das parcerias público-privadas embasadas em indicadores concretos de modelos de gestão tecnológica e de negociação com a presença da Petrobras, Embrapa, SENAI Nacional (Observatório), INPI, convidados estrangeiros (Parque Tecnológico de Univ. Aveiro, Instituto Superior Técnico de Portugal; FININVENTA; COTEC Portugal, Science Technology/EUA, Triz/Espanha, e Parque Tecnológico de Salvador e PADETEC Ceará).

O II ProspeCT&I (2012) teve 294 participantes inscritos e 93 organizações provenientes de 16 estados (AL; BA; CE; DF; ES; MA; MG; PB; PE; PI; PR; RJ; RN; RS; SE; SP). Teve ainda 6 países com 10 participantes internacionais (03 de Portugal, 02 da Espanha, 01 da França, 01 da Índia, 01 da Argentina e 02 dos EUA), com 59 trabalhos apresentados. Sua principal contribuição foi o lançamento do Portfólio 2012 de Propriedade Industrial (Rede NIT-NE e RENORBIO) e as rodadas de negociação por setor empresarial.

O III ProspeCT&I (2013) teve 235 participantes inscritos e 90 organizações participantes, com 58 trabalhos apresentados. Na ocasião foi lançado o Portfólio 2013 de Propriedade Industrial (Rede NIT-NE e RENORBIO) e realizadas rodadas de negociação por setor empresarial.

O IV ProspeCT&I (2014) foi realizado em Associação com o ENAPID, devido a neste ano ocorreram eventos internacionais no país, como a Copa do Mundo, que trouxeram dificuldades quanto à local disponível, datas, feriados relativos aos Jogos, entre outros. Ademais, o INPI estava passando por troca de Presidente e com forte restrição orçamentária. O ProspeCT&I visava aumentar sua capilarização no território nacional. Portanto, com a expectativa de criar sinergia entre eventos complementares, a Academia do INPI, em parceria com a Rede NIT-NE, decidiu realizar os eventos em conjunto. Ocorreu em Salvador, contou com a presença de especialistas internacionais da Alemanha, Índia e da Espanha financiados pelo Fund in Trust INPI/OMPI, teve 395participantes inscritos e 127organizações participantes, com 118 trabalhos apresentados.

O V ProspeCT&I (2015) foi realizado em Associação com o ENAPID, devido ao INPI estar ainda passando por troca de Presidente e com forte restrição orçamentária e ter sido considerada importante ainda manter a sinergia entre eventos. Contou com especialistas de Portugal, Espanha e dos Estados Unidos, que trataram respectivamente, de indicadores ligados ao uso de informação patentária, gestão estratégica dos processos inovativos e técnicas de mineração. A Posse do novo Presidente do INPI ocorreu durante o evento, no Rio de Janeiro, teve 268participantes inscritos e 94 organizações participantes, com 55 trabalhos apresentados.

O VI ProspeCT&I (2016) foi realizado em Associação com o ENAPID, devido ao INPI estar ainda passando por forte restrição orçamentária e ter sido considerada importante ainda manter a sinergia entre eventos. Ocorreu em Florianópolis, como estratégia para levar os eventos que são tradicionais do Rio de Janeiro e dos estados do Nordeste, para uma outra região do país, no caso a Região Sul , teve 325participantes inscritos e 132 organizações participantes, com 66 trabalhos apresentados.

Em 2017, de comum acordo em fev/17, durante reunião com o Presidente do INPI realizada no Rio de Janeiro, foi decidido separar os eventos, ficando o ProspeCT&I em Salvador em Agosto e o ENAPID no Rio de Janeiro em Setembro, visando aumentar o impacto na mobilização e articulação nacional da sociedade nos temas de interesse.

Em 29 de maio de 2017, na 33a reunião da Comissão Acadêmica Naiconal (CAN) e 31o Encontro de Pontos Focais, foi decidido por unanimidade que o ProspeCT&I passará a ser o evento nacional e internacional do PROFNIT, quando serão suspensas as aulas regulares presenciais e será vizualizado via web (canal de Youtube do PROFNIT).

O VII ProspeCT&I (2017) foi realizado já como Congresso Internacional do PROFNIT, deste modo reforçando sua vertente de disseminação da cultura e boas práticas de inovação, empreendedorismo e tecnologias sociais, favorecendo intensamente o intercâmbio entre pesquisadores nos âmbitos regional, nacional e internacional. O ISEG/UL/Portugal e o INPI/Portugal foram convidados e aceitaram compor a Comissão Organizadora deste evento internacional.

 

Ano Participantes Trabalhos Apresentados Organizações participantes Local
I ProspeCT&I 2011 213 59 42 Salvador
II ProspeCT&I 2012 294 59 93 Salvador
III ProspeCT&I 2013 235 58 90 Salvador
IV ProspeCT&I 2014 395 118 127 Salvador
V ProspeCT&I 2015 268 55 94 Rio de Janeiro
VI ProspeCT&I 2016 325 66 132 Florianópolis
VII ProspeCT&I 2017  125 Salvador

REVISTA CADERNOS DE PROSPECÇÃO
Com [ISSN 1983-1358 print; 2317-0026 on line] (https://portalseer.ufba.br/index.php/nit)

Até 2016, anualmente eram submetidos cerca de 60 manuscritos à revista Cadernos de Prospecção que, estando dentro do escopo, são apresentados como orais ou painéis e, paralelamente, são avaliados por pareceristas da revista, através do sistema OJS, em blind review, visando sua publicação como artigos.
Anualmente é lançado o Portfólio de Propriedade Industrial da Rede NIT-NE & RENORBIO e são realizadas rodadas de negociação distribuídas por Setores Empresariais.

 

OFICINAS MÃO-NA-MASSA

Foram realizadas 41 oficinas desde 2007 em várias capitais do NE do Brasil com temas como:
– Redação de Patentes
– Formação de Gestores de NIT
– Negociação, Contratos e Transferência de Tecnologia
– Pesquisa de Mercado
– Plano de Negócios
– Prospecção Tecnológica da Básica a Avançada
– Uso de diferentes Softwares: APOL – LDSOFT,  Gold Fire – TRIZ, Minesoft PatBase, Patent Insight Pro Patseer, Questel Orbit – AXONAL e Vantage Point.

 

IV ENCONTRO DOS PROGRAMAS DE PÓS-GRADUAÇÃO DO BRASIL EM PI&TT PARA INOVAÇÃO TECNOLÓGICA

Visa articular os PPGs existentes no Brasil e é realizada desde 2014 em associação do ProspeCT&I. Já participaram:

  • Mestrado profissional e doutorado do INPI (RJ)
  • Mestrado e doutorado acadêmicos da UFS (SE)
  • Mestrado profissional PROFNIT em rede nacional induzido pela CAPES do FORTEC com Pontos Focais nas IES: IFCE, IFBA, UEM, UESC, UFAL, UFBA, UFPE, UFRJ, UFSC, UFRR, UNB e UNICENTRO: PROFNIT
  • Mestrado em inovação da UFRN
  • Doutorado da UFMG e Inovação
    Outros

IV FÓRUM BRASILEIRO DA CIÊNCIA DOS DADOS, TECH MINING E INOVAÇÃO

Visa melhorar a qualidade dos trabalhos através da partilha de boas práticas e é realizado desde 2014, em associação do ProspeCT&I, sendo convidados os melhores exemplos do Brasil e do exterior.
Foi sugerido em reunião Skype em 2014 pelo falecido e muito querido Fernando Marro Palop.

NEGOCIAÇÕES

Visam aproximar e articular, em torno de tecnologias específicas e já em desenvolvimento com TRL2 a TRL9 os diversos setores produtores de conhecimento com o setor produtivo e o financiador de inovação, é realizado desde 2011 associado ao ProspeCT&I. As negociações propiciam oportunidades de transferir conhecimento para a sociedade e de temas de pesquisas que atendam demandas específicas da sociedade e de arranjos produtivos de âmbito internacional, nacional, regional ou local, articulando e integrando a formação do profissional com entidades demandantes de diversos setores da sociedade. Potencializam melhorias da eficiência, eficácia e efetividade da inovação tecnológica e da competitividade.